Ir para o conteúdo

Prefeitura Municipal de Ladário e os cookies: Nosso site usa cookies para melhorar a sua experiência de navegação. Ao continuar você concorda com a nossa Política de Cookies e Privacidade.
OK
Prefeitura Municipal de Ladário
Acompanhe-nos:
Rede Social Facebook
Rede Social ladarioprefeituramunicipal
Notícias
Enviar para um amigo!
Indique essa página para um amigo com seus dados
Obs: campos com asterisco () são obrigatórios.
Enviando indicação. Por favor, aguarde...
DEZ
05
05 DEZ 2022
SAÚDE
Ladário passa a realizar a inserção do método contraceptivo de longa duração, o DIU
enviar para um amigo
receba notícias
 Prefeitura Municipal de Ladário por meio da Secretaria Municipal de Saúde passou a fazer a implantação de DIU – Dispositivo Intrauterino neste sábado, dia 3 de dezembro, na Policlínica, localizada na rua Comandante Souza Lobo, 1197, centro. A Secretaria fez aquisição dos melhores instrumentais para a realização do procedimento.

  O DIU (Dispositivo Intrauterino) é um método contraceptivo do grupo dos LARCs (LongActing Reversible Contraception), sigla em inglês para Método Contraceptivo de Longa Duração. O DIU com cobre, quando inserido dentro do útero, exerce ações locais que culminam por evitar a gestação, apresentando-se como um método seguro para evitar a longo prazo uma gestação. Pode ser usado em qualquer idade do período reprodutivo, sem a necessidade da intervenção diária da mulher e sem prejudicar a fertilidade futura. A ampliação do acesso ao DIU com cobre  (pós-parto e pós-abortamento imediatos – inserção em até 10 minutos) é uma estratégia compartilhada e complementar às ações de saúde reprodutiva da Atenção Básica e demais pontos de atenção do sistema de saúde local.

Principais características do DIU: 

• Não contém hormônios – fato desejável em várias situações; 
• Altamente efetivo – mais de 99%;
• Melhor custo-benefício – custo baixo e disponível na rede pública; 
• Praticidade – não precisa lembrar diariamente de usá-lo (livre de esquecimentos);
• Longa ação – até 10 anos; 
• Retorno rápido à fertilidade – quase que imediato, após a retirada;
• Sem efeitos sistêmicos – ação local, intrauterina;
• Não interfere na lactação;
• Altas taxas de continuidade – as maiores entre os métodos reversíveis

Quero por o DIU, o que devo fazer?
Antes de colocar o DIU é necessário um preventivo e um exame de ultrassonografia transvaginal, ambos exames são ofertados pelo município. O exame de preventivo é realizados nas respectivas Unidades Básicas de Saúde e o  exame de ultrassonografia na Policlínica.
Fonte: Secretaria Municipal de Saúde
Autor: Assessoria de Comunicação
Seta
Versão do Sistema: 3.2.10 - 11/01/2023
Copyright Instar - 2006-2023. Todos os direitos reservados - Instar Tecnologia Instar Tecnologia